Maio 2016 | Maria, Mãe de Misericórdia

Mês de Maria: dia 13

13. Maio. 2016

Fátima apresenta-se como um sinal de Deus para a nossa geração, uma palavra profética para o nosso tempo, uma intervenção divina na história da humanidade mediante o rosto materno de Maria, uma luz sobre a história.

INTRODUÇÃO

Neste mês de maio, unimo-nos ao papa Francisco e à sua rede mundial de oração para que se difunda nas famílias, comunidades e grupos a prática de rezar o Santo Rosário pela evangelização e pela paz.

PRIMEIRO MISTÉRIO

«O amor a Maria é muito mais do que uma mera devoção sentimental; é, antes, a contemplação da beleza do amor misericordioso de Deus; é a contemplação da beleza da Igreja, de que ela é membro eminente e mãe amorosa; e da beleza da vida com Cristo, de quem ela foi mãe e primeira e perfeita discípula» (D. António Marto, Carta Pastoral 2015-17).

SEGUNDO MISTÉRIO

«Fátima apresenta-se como um sinal de Deus para a nossa geração, uma palavra profética para o nosso tempo, uma intervenção divina na história da humanidade mediante o rosto materno de Maria, uma luz sobre a história. […] Bento XVI apresentou Fátima como ‘a mais profética das aparições modernas’» (D. António Marto, Carta Pastoral 2015-17).

TERCEIRO MISTÉRIO

«Em Fátima, Deus deu também uma lição sobre Si mesmo, sobre o seu modo de ser e de agir: uma lição sobre a misericórdia que pertence a Deus como traço essencial. É um ensinamento que não podemos esquecer. O grande protagonista […] é Deus misericordioso que, através de Maria, envia um apelo ao mundo» (D. António Marto, Carta Pastoral 2015-17).

QUARTO MISTÉRIO

«Uma das heranças espirituais mais preciosas das Aparições de Fátima é a devoção ao Coração Imaculado de Maria, Mãe de Misericórdia. […] Ela exerce a missão de mistagoga dos Videntes e do Povo de Deus, iniciando-os no mistério do Amor Trinitário, da sua misericórdia, levando-a a todas as periferias» (D. António Marto, Carta Pastoral 2015-17).

QUINTO MISTÉRIO

«Fátima ajuda-nos a ler a história com a consciência de que é possível mudá-la com a força que vem do alto. Este é um dos aspetos da mensagem de Fátima: o chamar à solidariedade salvífica. Deus pede-nos uma resposta e vem ao nosso encontro por Maria, para procurar colaboradores em favor dos outros» (D. António Marto, Carta Pastoral 2015-17).

INTRODUÇÃO ÀS 3 AVE MARIAS FINAIS

Rezemos três Ave Marias pela evangelização e pela paz.

INTRODUÇÃO À SALVE RAINHA

«A Mãe da Misericórdia. […] Dirijamos-lhe a oração, antiga e sempre nova, da Salve Rainha, pedindo-lhe que nunca se canse de volver para nós os seus olhos misericordiosos e nos faça dignos de contemplar o rosto da misericórdia, seu Filho Jesus» (Bula de Convocação do Jubileu Extraordinário da Misericórdia, 24).