Maio 2016 | Maria, Mãe de Misericórdia

Mês de Maria: dia 22

22. Maio. 2016

Precisamos sempre de contemplar o mistério da misericórdia. É fonte de alegria, serenidade e paz. É condição da nossa salvação. Misericórdia: é a palavra que revela a Trindade.

INTRODUÇÃO

Neste mês de maio, unimo-nos ao papa Francisco e à sua rede mundial de oração para que se difunda nas famílias, comunidades e grupos a prática de rezar o Santo Rosário pela evangelização e pela paz.

PRIMEIRO MISTÉRIO

«Precisamos sempre de contemplar o mistério da misericórdia. É fonte de alegria, serenidade e paz. É condição da nossa salvação. Misericórdia: é a palavra que revela a Trindade. É o ato último e supremo pelo qual Deus vem ao nosso encontro. É a lei fundamental que mora no coração de cada pessoa» (Bula de Convocação do Jubileu Extraordinário da Misericórdia, 2).

SEGUNDO MISTÉRIO

«Jesus Cristo é o rosto da misericórdia do Pai. O mistério da fé cristã parece encontrar nestas palavras a sua síntese. Tal misericórdia tornou-se viva, visível, e atingiu o seu clímax em Jesus. O Pai, ‘rico em misericórdia’, não cessou de dar a conhecer, de vários modos, a sua natureza divina» (Bula de Convocação do Jubileu Extraordinário da Misericórdia, 1).

TERCEIRO MISTÉRIO

«’É próprio de Deus usar de misericórdia e, nisto, se manifesta de modo especial a sua omnipotência’. Estas palavras de S. Tomás de Aquino mostram como a misericórdia divina não é um sinal de fraqueza, mas antes a qualidade da omnipotência de Deus. […] Deus permanecerá sempre como […] misericordioso» (Bula de Convocação do Jubileu Extraordinário da Misericórdia, 6).

QUARTO MISTÉRIO

«Com o olhar fixo em Jesus e no seu rosto misericordioso, podemos individuar o amor da Santíssima Trindade. A missão, que Jesus recebeu do Pai, foi a de revelar o mistério do amor divino na sua plenitude. ‘Deus é amor’ (1Jo 4, 8.16): afirma-o, pela única vez em toda a Escritura, o evangelista João» (Bula de Convocação do Jubileu Extraordinário da Misericórdia, 8).

QUINTO MISTÉRIO

«A Igreja é chamada, em primeiro lugar, a ser verdadeira testemunha da misericórdia, professando-a e vivendo-a como o centro da Revelação de Jesus Cristo. Do coração da Trindade, do íntimo mais profundo do mistério de Deus, brota e flui incessantemente a grande torrente da misericórdia» (Bula de Convocação do Jubileu Extraordinário da Misericórdia, 25).

INTRODUÇÃO ÀS 3 AVE MARIAS FINAIS

Rezemos três Ave Marias pela evangelização e pela paz.

INTRODUÇÃO À SALVE RAINHA

«A Mãe da Misericórdia. […] Dirijamos-lhe a oração, antiga e sempre nova, da Salve Rainha, pedindo-lhe que nunca se canse de volver para nós os seus olhos misericordiosos e nos faça dignos de contemplar o rosto da misericórdia, seu Filho Jesus» (Bula de Convocação do Jubileu Extraordinário da Misericórdia, 24).